Catálogo de Vieses

Publicado por 30 de Março de 2022 em

Tutoriais e Fundamentos

O que é viés 

Viés é definido como um erro sistemático no processo de planejamento e condução de um estudo, capaz de influenciar e desviar os resultados da verdade.1 A tendenciosidade envolvida nos vieses pode levar a conclusões errôneas, prejudicando o uso da evidência para a tomada de decisão clínica.  

Os estudos científicos estão sujeitos a um grande número de visees e a identificação dos diferentes tipos de vieses pode ser uma prática desafiadora para o profissional de saúde em busca de evidências de qualidade. Assim, reconhecer os diferentes tipos de vieses e saber como evitá-los ou minimizá-los é imprescindível para a prática clínica baseada em evidências.  

Catálogo de vieses  

O Centro de Medicina Baseada em Evidências de Oxford (CEBM), Universidade de Oxford desenvolveu e mantém atualizado em seu website um catálogo de vieses em pesquisa, “Catalogue of Bias (CoB)”.[2]

O objetivo deste catálogo é orientar pesquisadores, profissionais de saúde, estudantes, gestores, entre outros, sobre a existência dos diferentes tipos de viés.  Além dos vieses de seleção, de condução e de relato, o catálogo inclui vieses, mas específicos e menos conhecidos como viés de medida insensível viés de período imortal e viés de colisão. O material de cada viés é estruturado da seguinte forma:  

  • Introdução: contextualiza o conteúdo e define o viés; 
  • Exemplos: apresenta exemplo práticos de onde e como o viés pode ocorrer no estudo; 
  • Impacto: apresenta resultados de estudo meta-epidemiológicos que avaliaram (e muitas vezes quantificaram) o impacto do viés nos resultados de estudos. 
  • Passos para prevenção: apresenta estratégias que podem ser utilizadas para reconhecer o risco, evitar ou minimizar o viés.

O catálogo foi traduzido para a língua portuguesa pela Oxford-Brazil EBM Alliance e está disponível gratuitamente para consulta em https://oxfordbrazilebm.com/index.php/catalogo-de-vieses/.[3] O Quadro 1 apresenta alguns exemplos de vieses catalogados. 

 

Quadro 1. Exemplos de vieses listado no Catálogo de Vieses, Centro de Medicina Baseada em Evidências de Oxford (CEBM).2 

Viés  Definição breve 
Colisão  Quando há associação distorcida entre exposição e desfecho. 
Medida insensível  Quando o meio de detecção do desfecho de interesse não tem precisão, fazendo com que diferenças clinicamente importantes não sejam detectadas. É um subtipo de viés de informação. 
Período imortal  Quando os pacientes são incluídos no estudo e demoram par receberem intervenção, passando assim por um momento em que o desfecho não pode ocorrer, e sendo “imortais” neste período. 
Grupo controle não concorrente  Quando ocorre diferença na seleção de casos e controles, que é feita em períodos diferentes, possibilitando que mudanças nas classificações de doenças ou diagnósticos possam influenciar os resultados 
Memória  Quando, em estudos observacionais, como casos-controle e coortes históricas, os participantes podem esquecer/omitir informações de desfechos autorrelatados, influenciando a acurácia e quantidade de dados do estudo. 
Distorção [4] Quando os pesquisadores distorcem a interpretação do resultados, confundindo os leitores para um resultado mais favorável. Leia mais no nosso post: https://eme.cochrane.org/vies-de-distorcao-spin-bias/  
Desfecho intermediário [5]  Quando um fator de risco não estabelecido como causa de um desfecho é utilizado para substituir o próprio desfecho. Leia mais no nosso post: https://eme.cochrane.org/desfechos-finais-e-desfechos-intermediarios/. 

Considerações finais 

Conhecer e compreender os possíveis vieses de um estudo leva o pesquisador a evitá-los, e o leitor a identificar possíveis resultados tendenciosos que permitirão a análise crítica da evidência em questão e sua aplicabilidade na prática clínica. 

 

Autora: Kamilla Mayr Martins Sá, aluna de medicina da Universidade Metropolitana de Santos (UNIMES). 

Citar como: Sá KMM. Catálogo de vieses. Estudantes par Melhores Evidências. Cochrane. Disponível em: [adicionar link da página da web]. Acessado em: [adicionar dia, mês e ano de acesso]. 

 

Referências  

  1. Pacheco RL, Latorraca COC, Martimbianco ALC, Fontes LES, Vieira R, Miranda E, Nunan D, Riera R. Translation of Oxford’s CEBM catalogue of bias into Portuguese: contributing to the dissemination of conscientious thinking on health research. BMJ Evid Based Med. 2020;25(4):122-124. doi: 10.1136/bmjebm-2019-111329. Epub 2020 Mar 26. PMID: 32217614. 
  1. Centre for Evidence-Based Medicine. Catalog of Bias. [Internet]. Oxford: CEBM: University of Oxford 2019. Disponível em: https://catalogofbias.org/biases/. Acessado em 26 emarço de 2022. 
  1. Oxford-Brazil Evidence-Based Medicine Alliance. Catálogo de Viéses. [Internet]. Oxford-Brazil EBM Alliance: [visitado em 25 de fevereiro de 2021]. Avaiable: https://oxfordbrazilebm.com/index.php/catalogo-de-vieses/. 
  1. Pereira GC. Viés de distorção (spin bias). Cochrane. Disponível em: https://eme.cochrane.org/vies-de-distorcao-spin-bias/. Acessado em 26 emarço de 2022. 
  1. Cruz LR. Desfechos finais e desfechos intermediários. Estudantes par Melhores Evidências. Cochrane. Disponível em: https://eme.cochrane.org/desfechos-finais-e-desfechos-intermediarios/ Acessado em 26 de março de 2022.

Tags:

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Subscribe to our newsletter

You will receive our monthly newsletter and free access to Trip Premium.